Como funcionam os aparelhos auditivos?

Os aparelhos apresentam dois componentes: A unidade interna e a unidade externa.

A unidade interna é o dispositivo que será implantado. Nele estão presentes o conjunto de eletrodos e a antena receptora. A função da unidade interna é receber o sinal que é emitido pela unidade externa e transformar em pulso elétrico, que será transmitido pelo conjunto de eletrodos para o interior da cóclea.

A unidade externa tem a função de receber o som do ambiente, codificá-lo e enviá-lo para a unidade interna.

Componentes essenciais do sistema de implante coclear:

Microfone direcional: Situado no compartimento retroauricular, capta a informação acústica e a envia ao processador de fala;

Processador de fala: sua principal função é a análise e digitalização do sinal acústico de entrada;

Antena de transmissão: Envia os sinais codificados pelo processador como sinais de rádio FM para o receptor interno;

Receptor/estimulador: Converte os sinais recebidos em energia elétrica, organizando-os e enviando-os aos eletrodos selecionados;

Feixe de eletrodos: Estimulam as fibras nervosas remanescentes no gânglio espiral.

Existem quatro marcas aprovadas no Brasil:

Advanced Bionics®
Cochlear®
MedEl®
Oticon Medical®

Cada aparelho tem suas caracteríticas e possuem algumas diferenças no formato e no material empregado. Assemelham-se no fato de usarem um conjunto de eletrodos para estimular a cóclea.